quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

CARROS A GASÓLEO TÊM OS DIAS CONTADOS...

 
 
"Hoje é muito evidente que quem comprar um carro a diesel muito provavelmente daqui a quatro ou cinco anos não vai ter grande valor na sua troca".
 
A afirmação é do Ministro Português do Ambiente que provocou logo uma forte reacção por parte dos vendedores de automóveis que criticaram suas palavras que podem afetar todo o comércio de veiculos que são os mais poluidores do ambiente e por isso mesmo serão os primeiros a serem proibidos ...de circularem pelas cidades.
 
Também muitos cidadãos reagiram mal ás afirmações do Ministro do Ambiente que está fazendo apenas seu papel como tantos outros ministros do espaço europeu que se comprometeram em tomar medidas no combate às alterações climáticas provocadas pelo Aquecimento Global. Porém, deviam consciencializar primeiros as pessoas e até garantir um apoio do Estado a todos os que têm carros a gasóleo e querem comprar um veiculo eléctrico seguindo-se os de gasolina duma forma gradual.
 
Rui M. Palmela

VAGA DE FRIO POLAR ATINGE EUA COM 50 GRAUS ABAIXO DE ZERO

 
 
Mais de 250 milhões de norte-americanos se preparam para enfrentar uma massa de ar gelado vinda do polo norte que provoca uma descida abrupta nas temperaturas que atingem os 50 graus negativos, fazendo lembrar cenas do filme "The Day After Tomorrow".
 
Num de seus habituais "twits" Donald Trump comenta o assunto dizendo que "No belo meio-oeste, as temperaturas do vento estão chegando a 60 graus negativos, o mais frio j...á registrado, e nos próximos dias espera-se ficar ainda mais frio... O que diabo está acontecendo com o Aquecimento Global? Por favor, volte rápido, precisamos de você!" Nisto tem razão!
 
Porém, ele não sabe que tudo isso se deve mesmo ás alterações climáticas em todo o mundo e também à mudança de posição do eixo da Terra da sua posição, podendo originar uma nova era glaciar numa parte do planeta enquanto noutra as temperaturas aumentam bastante (os extremos tocam-se) até que tudo normalize e volte ao seu lugar. O processo pode levar décadas ou ser repentino, não se sabendo quando terminará mas é um facto que já se está a iniciar.
 
RP

segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

NOVA CORRIDA AO ARMAMENTO NUCLEAR

 
 
Depois de Donald Trump ter dito que iria 'modernizar' e tornar ainda mais poderoso o seu país a nivel militar, daria inicio a uma nova corrida ao armamento nuclear que Vladirmir Putin não perdeu tempo e anunciaria um novo missil supersónico (o Avangard) capaz de atingir qualquer país do mundo sem ser detectado por nenhum radar, enquanto a China está desenvolvendo também seu armamento tornando-o ainda mais sofisticado e o mundo está ficando cada vez mais perigoso com estes loucos do planeta Terra que podem desencadear uma total destruição com aniquilação total da Humanidade em que ninguém sobreviva para contar. 
 
Outros países decerto também já estão se preparando para um eventual confronto criando sistemas de defesa anti missel e construindo abrigos atómicos subterrâneos onde possam permanecer durante anos caso suceda uma Guerra Nuclear que poderia tornar o planeta inabitável em toda a superfície por tempo indeterminado e este cenário não está longe de se poder concretizar se Forças Superiores não intervirem antes na Terra capazes de neutralizarem todas as armas atómicas que os homens construiram para se auto aniquilar.
 
É sobre isto que a Humanidade do século XXI se deveria preocupar e não perder tempo e energias com coisas que iludem e de repente podem acabar.
 
Rui M. Palmela

AVANGARD, O PRESENTE ATÓMICO DA RUSSIA PARA 2019

 


O Presidente russo Vladimir Putin, anunciou um novo missel atómico supersónico com alcance de 6.000 km indetetável pelos radares ou sistemas de defesa de qualquer país, revelando assim sua supremacia no mundo, mostrando ao seu rival Donald Trump que cometeu o maior erro ao abandonar acordos nucleares e despoletar uma nova corrida aos armamentos de... destruição massiva que já se estão a verificar, e a Humanidade está cada vez mais em perigo nas mãos de dois loucos que possuem armas atómicas suficientes para destruir várias vezes o planeta, já não contando com as da China, da Correia do Norte, etc., etc.

Os novos mísseis vão ser montados e apontados para alvos predestinados em 2019 e o mundo fica assim ainda mais perigoso à medida que aumentam as tensões entre paises que se prepararão também contra a nova arma russa desenvolvendo novos sistemas de defesa para neutralizá-la e começará talvez o tão temido "Armagedon" nuclear há muito profetizado que pode aniquilar toda a Humanidade.

Lembro por isso uma certa mensagem do famoso médium brasileiro Chico Xavier que fala de uma "Data Limite" (em Julho de 2019) que seria também uma advertência aos homens deste planeta que vai sofrer uma certa Transformação pelos males nele causados e pior ainda seria a loucura duma Guerra Nuclear de proporções inimagináveis que tornariam a Terra inabitável por milhares de anos e isso será impedido por Forças Exteriores acima da humana compreensão.

Está na hora pois de falar verdade e preparar a Humanidade para uma certa Intervenção.

Rui M. Palmela


terça-feira, 23 de janeiro de 2018

UMA VERDADE INCONVENIENTE...

 
 
O Chefe do IPCC da ONU (Dr. Rajenda Pachauri), apelou ao não consumismo de carne para evitar maiores prejuizos no nosso Planeta devido ao grande dispêndio de energia e recursos na sua produção que agravam ainda mais a questão das alterações climáticas.
 
Ele destaca a importância de uma mudança de comportamentos na Humanidade e dos hábitos alimentares dizendo que "uma alimentação vegetariana pode ajudar a combater os problemas do clima e seus impact...os nos tempos que correm", apelando pois para que as pessoas em todo o mundo "controlem mais os seus impulsos carnívoros".
 
Tanto mais que, "a produção de 1 Kg de carne bovina provoca o equivalente a 36,4 Kg de emissões de gases poluentes (tanto como os automóveis a diesel ou gasolina) além dos recursos energéticos necessários à conservação de seus cadáveres e da quantidade de água potável utilizada na criação massiva de animais com seus impactos ambientais, havendo mesmo grandes desflorestações de áreas para o cultivo de soja destinada a rações (como acontece na Amazónia) quando seriam necessários menos recursos de áreas para plantação de cereais e vegetais para consumo humano.
 
Pachauri elogia por isso todos os que já optaram por uma alimentação vegetariana pelo grande contributo que estão dando ao planeta e ao meio ambiente, além dos benefícios que isso trás a nivel da saúde.
 
Outras mudanças são necessárias também, como por exemplo não comprarmos coisas supérfluas e sim apenas o que necessitamos para nossa sobrevivência e não afetarmos a Natureza nem destruir seus ecossistemas. Todos sabemos que já existem "ilhas de plástico" nos oceanos acumulando milhões de toneladas de lixo flutuante da nossa civilização.
 
Por fim, o Chefe do Departamento Científico da ONU para as questões climáticas, faz também seu alerta para os perigos do "Aquecimento Global" dizendo que se aproximam "dias sombrios" para a Humanidade inteira se nada for feito para minimizar os "impactos graves" por todo o mundo, podendo daí advir maiores guerras e lutas por alimentos que tendem a excassear, enquanto se desperdiçam actualmente milhões de toneladas que a todos poderiam sustentar.
 
Enfim, que o actual chefe da Casa Branca (Donald Trump) entenda que a "América Furst" será talvez a primeira a ser atingida por fenómenos climáticos extremos que a imobilizarão tal como outros países que sofrerão as consequências das alterações climáticas devido ao aumento da Poluição. E tudo poderia ser evitado, em grande parte, se toda Humanidade fosse vegetariana e vivesse mais de acordo com a sua verdadeira condição.
 
Na verdade "Tudo está ligado" como dizia o Chefe Seattle....
       
Pausa para reflexão!
Rui M. Palmela

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

A QUESTÃO DOS "CHEMTRAILS" E A GEOENGENHARIA



A Poluição Ambiental, originada no nosso planeta desde a Revolução Industrial, trouxe consequências nefastas e irreversíveis para a Humanidade actual, sendo certo que só poucos aceitam agora uma mudança radical nos hábitos e comportamentos diários que fariam recuar a civilização a dois séculos atrás, pois a maioria dos cidadãos prefere que a Ciência descubra uma fórmula mágica para resolver a situação sem que isso tenha a ver com alguma 'Conspiração' para exterminar povos ou reduzir a população global e tornar o planeta mais habitável ou sustentável. Creio sim que quem se encarregará disso é a Natureza que já vai reagindo cada vez mais com seus Elementos a fim de controlar ou condicionar a espécie mais perigosa e predadora da Terra que é a humana.

Mas deixando de parte esta questão, falemos da Geoengenharia lembrando o que diz Christopher Field, diretor do Departamento de Ecologia Global da Instituição Carnegie para Ciência, exprimindo a ideia de que, pesados os prós e os contras, esta pode ser a única forma de controlar o clima injetando na atmosfera determinados quimicos ou subtâncias que têm a ver talvez com os tais "Chemtrails" que tanto se observam hoje em dia e se prestam a tanta especulação.

"Percebemos que não há uma única opção, nem há uma receita mágica, e todas as ações devem ser avaliadas para que sejam tomadas as melhores decisões", disse Ottmar Edenhofer, co-presidente de um grupo de trabalho do IPCC (Intergovernmental Panel on Climate Change), afirmando ainda que "a idéia de esfriar deliberadamente o planeta através do aumento da refletividade foi colocada inicialmente por Budyko em 1974 que propôs que "se o aquecimento global um dia se tornasse uma ameaça (como é o caso), a sociedade poderia contra-atacar levando aeronaves na estratosfera, queimando enxofre até este se tornar um aerosol, similar aqueles encontrados após erupções vulcânicas. Estas pequenas partículas refletiriam um pouco da luz solar, aumentando o albedo (medida relativa da quantidade de luz refletida), e resfriando o planeta, mitigando os efeitos do aumento da concentração de Dióxido de Carbono (CO2)"...

Em resumo e em conclusão: Primeiro criámos o problema e agora não sabemos arranjar a solução e muitos até atribuem a seres alienígenas (tipo "dracos" ou "reptilianos") ou a organizações secretas deste planeta ("Iluminattis" e outras) a culpa da situação, não reconhecendo talvez que TODOS contribuimos para os males com que nos confrontamos no actual estado da nossa Civilização.

Pausa para reflexão!

Rui M. Palmela

sábado, 11 de novembro de 2017

FALEMOS DO "SMOG" EM VEZ DOS "CHEMTRAILS"!

 
 
Para quem não sabe, o “smog” é um tipo de nevoeiro causado por fumaças das fábricas e dos veiculos automóveis que se concentram sobre as cidades tornando o ar irrespirável e que está na origem de milhares de mortes anuais por doenças respiratórias nos paises mais industrializados que lançam na atmosfera milhões de toneladas de óxido de enxofre, óxidos nitricos, peróxidos de acetil nitratos, aldeidos e outros compostos orgânicos voláteis além do Dióxido de Carbono mais conhecido por CO2.
 
O termo “Smog” resulta da junção das palavras inglesas "smoke" (fumaça) e "fog" (nevoeiro) para designar a poluição ambiental que surgiu com a Revolução Industrial em Inglaterra no século XVIII e foi aumentando e se disseminando cada vez mais no século actual, dando origem ao famigerado “Aquecimento Global” que muitos negam dizendo que é uma ‘fraude’ enquanto 195 paises reconhecem sua realidade tendo assinado um acordo para a redução da emissão de gases poluentes até aos anos 2050 para minimizar o impacto das alterações climáticas que a nossa Civilização Moderna está a provocar.
 
Entretanto surgiram ‘rastos quimicos’ nos céus, mais conhecidos por “Chemtrails” que os teóricos da conspiração dizem ser um plano das ‘Elites’ para matar milhões de pessoas para redução da população mundial, deturpando a realidade dos factos julgando que estão a ‘alertar’ quando na verdade estão a ‘enganar’ em vez de informar, fazendo o jogo da contra-informação veiculada pelos grandes interesses dos magnatas do petróleo e do carvão que se sentem ameaçados pela nova vaga das “energias limpas” como a eólica e a solar que vários paises estão a apostar. 
 
A Geoengenharia entretanto é um método cientifico que se tem vindo a utilizar um pouco por todo o lado com o conhecimento de todos os governos que aceitam e concordam com o lançamento de compostos quimicos na atmosfera para evitar o aumento da temperatura no planeta que se tem vindo a verificar nos últimos anos devido ao “Efeito de Estufa” originado pela poluição industrial e pelos milhões de veiculos que circulam por todo o mundo (terra, ar e mar) e não seria possivel parar de imediato à escala global. Não é a melhor solução mas é a possivel e a viável no actual estado da civilização que criou o problema e tenta agora dalgum modo encontrar uma solução, nada tendo a ver com nenhuma ‘Conspiração’.
 
Cada um tire sua própria conclusão.
Rui M. Palmela
Related Posts with Thumbnails