sábado, 13 de outubro de 2007

O QUE FOI O 'MILAGRE DO SOL'?




Todos os anos milhares de pessoas se juntam em Fátima em especial nos dias 13 de Maio e Outubro para comemorar dois acontecimentos distintos ali ocorridos mas a Igreja Católica pouco esclarece a esse respeito e muito menos  explica o que terá sido o chamado "Milagre do Sol" que cerca de 80.000 pessoas presenciaram na Cova da Iria no dia 13 de Outubro de 1917.

Na linguagem actual não há dúvidas que ali se deu uma manifestação extraterretre, muito discutida hoje nos meios ovniológicos e que segundo uma descrição constante de documentos da época que a escritora Fina d'Armada consultou, aqui fica algo que é bem claro e dispensa qualquer outra explicação da Religião:

"Chovera a cântaros naquele dia e ainda chuviscava quando, ao entardecer, no instante em que a Senhora se elevava, Lúcia gritava: “Olhem para o sol”! As nuvens se entreabriram e descortinaram o sol. Mas era um sol estranho, achatado, com um contorno bem definido, que mais parecia um imenso disco de prata. Brilhava com uma intensidade jamais vista, mas não ofuscava nem cegava. O disco começou a “bailar” e, qual gigantesca roda de fogo, girava rapidamente. Imobilizou-se por alguns instantes para recomeçar a girar vertiginosamente sobre si mesmo. Suas bordas tornaram-se escarlates e deslizou como um redemoinho, espargindo chamas de fogo".

"Jorrava cascatas de luzes verdes, vermelhas, azuis e violetas, de variadas tonalidades, que se reflectiam no solo, nas árvores, nos arbustos, nas roupas e nas próprias faces das pessoas. Animado por um movimento louco, o globo de fogo tremulou e sacudiu antes de precipitar-se em 'zigue-zague' sobre a multidão que, apavorada, esboçou gestos de pânico. Era como se o fim do mundo houvesse chegado. O disco então parou por alguns minutos como se concedesse um intervalo de descanso, para logo em seguida recomeçar os movimentos e emitir luzes flamejantes. Após nova pausa, a dança recomeçou, tão gloriosa, quanto antes. O “milagre do sol” durou um total de 12 minutos, no fim dos quais muitos notaram que suas roupas, encharcadas pela chuva, haviam secado completamente, assim como o chão. O ciclo das aparições terminava".

Ler mais sobre este assunto na minha página "Fátima e Seus Segredos" no site NOVA ERA:

Rui Palmela

28 comentários:

  1. Olá Rui Tudo bem ?

    Eu li sobre a luz que apareceu no céu,em Fátima,que vc postou no site,e estou te escrevendo para te relatar um fato que ocorreu comigo.

    Tenho um amigo,que sempre foi muito cético,e que não acreditava em OVNIS, até que um dia ele se perdeu na estrada, e quando se dirigia para seu sítio,no interior de Minas Gerais(Brasil), de repente uma luz enorme e brilhante
    apareceu no céu, e ele viu um disco sobre sua cabeça.

    A partir de então foram constantes as visitas dos discos sobre seu sítio,e muitas foram as vezes em que eu estava com ele e juntos vimos a aparição. Os amigos e familiares nossos, como sempre acontece, não acreditavam em nós.
    Até que uma noite,como era um feriado prolongado,recebemos nossos amigos e alguns parentes no sitio,para passar uns dias conosco.
    Como todos estavam cansados da viagem,foram se recolher cedo.
    Eu e o meu amigo saímos para fora da casa e sentamos numa pedra,e ali ficamos conversando.

    Como já era por volta de meia noite e todos dormiam, apagamos todas as luzes da casa e só o brilho da lua nos iluminava. Mas de repente tudo à nossa volta começou a ficar claro,e um clarão intenso iluminou toda a redondeza do sítio,e era tão forte que tb clareou o interior da casa acordando todos que lá dormiam, que saíram assustados e correndo
    para fora da casa,e juntos presenciamos a aparição do disco.

    Éramos mais de 20 pessoas,mas pensa que elas quiseram falar do assunto ou se tornarem testemunhas do facto? Infelizmente o medo da opinião dos outros é mais forte do que a verdade.Esse meu amigo possui várias gravações das
    aparições,mas tb como tinha um alto cargo numa grande empresa
    não quis correr o risco de torná-las públicas.

    Mas tem algo nisso tudo que eu queria te contar ,e até saber sua opinião sobre isso. Esse meu amigo era um homem de meia idade, muito inteligente,e com uma ótima posição financeira,e um excelente cargo na empresa. Após a ocorrência dessas aparições e de muitos outros fenômenos que presenciamos,aconteceu uma reviravolta na vida dele. De repente ele perdeu o emprego,e começou a fazer investimentos que
    não davam certo,se envolveu com algumas mulheres que nada tinham
    a ver com ele e 2 engravidaram e tiveram filhos dele,as quais ele passou a pagar pensão e isso cada vez mais o levou a perder seu poder aquisitivo. E hoje ele mora no interior, se afastou de todos os amigos,inclusive de mim, perdeu praticamente quase tudo e ainda não consegue pagar as pensões,o que o tem levado a justiça.

    O que vc acha que pode ter acontecido com ele? Foi coincidência ,ou o fato dele não ter feito o uso adequado do que viu ? Será que vc sabe de outros casos semelhantes ? Obrigada por sua atenção, e espero sua resposta.

    Mariângela Rocha

    ResponderEliminar
  2. Olá amiga Mariangela!

    A tua história é verdadeiramente interessante e até muito importante e deveria ser revelada na imprensa e nos grupos ovniológicos com o testemunho das 20 pessoas que presenciaram o facto, pois não foi por acaso que sucedeu aquilo naquela noite para todos verem.

    Quanto ao teu amigo que preferiu omitir a verdade em vez de divulgar as gravações que tinha e passou a suceder muitas coisas erradas na sua vida, penso que deduziste bem sobre a causa de tudo isso e a minha opinião é que ele desperdiçou uma oportunidade que lhe foi dada e não soube ou não quis fazer uso dela, sofrendo alguns efeitos por causa disso, embora eu não tenha a idéia de que tenha havido uma 'vingança' ou 'castigo' mas sim algo para que ele entenda que o mais importante na vida não é estar em altos cargos de empresas, ter uma excelente situação financeira, ou gozar de mordomias, etc., mas sim o Ser em vez do ter.

    "Quem não é pelo Conhecimento, é pelo sofrimento"... dizia alguém, e esse teu amigo acabou por desencadear na sua vida uma série de acontecimentos que julgava nunca poderem acontecer com ele. Ledo engano!

    Enfim, amiga, ele há-de reencontrar-se de novo e perceberá que nada acontece por acaso, do mesmo modo que não foi por acaso aquela aparição naquela noite.

    Um abraço do coração.

    Rui Palmela

    ResponderEliminar
  3. "A Igreja Católica pouco ou nada explicita sobre este suposto 'fenómeno' solar que milhares de pessoas em Fátima teriam presenciado na Cova da Iria no dia 13 de Outubro de l917." - Como é possível que se explique algo "suposto" que por sua vez não o presenciaram mas "teriam presenciado"? A necessidade privada de quem afirma tal coisa é imediatamente denunciada na criação constante de impossibilidades. Há um interesse demasiado perturbante em falsear o "milagre do sol".

    "Na linguagem actual não há dúvidas que o que ali sucedeu foi uma manifestação extraterrestre..." - Na linguagem actual não há dúvida? Se é na suposta linguagem não pode haver dúvidas nem certezas... Haver certezas encontradas na linguagem é uma anomalia.... que grande baralhada... Encontra-se reposta na linguagem? Trata-se de um problema de linguagem? Meu caro, o problema só pode existir quanto á verdade e não quanto à linguagem , pois a linguagem ou o pensamento não criam ou antecedem a verdade.... ok ?

    "pela presença de uma nave radiante que ali surgiu entre as nuvens do céu que ..." - Aqui o facto de não haver um tratamento igual, como "a suposta presença de uma nave" que "ali teriam presenciado".... ou seja, o "milagre do sol" teria supostamente sido presenciado mas a nave, essa estaria lá... contudo a nave teria sido confundida com o Sol, supostamente, mas se a nave não é "suposta" e o milagre do sol é, significa que há certezas que a nave esteve ali mas que o "milagre do sol" não se sabe se se deu.... enfim....

    "aguardando o 'sinal' que as crianças falavam prometido pela "Senhora Luminosa" que mais tarde a Igreja passou a chamar de "Virgem Maria"." - Mentira. Tenha pelo menos a inteligência de consultar os factos em vez de andar a ler opiniões do comentário da comadre do cão, do dono, que é marido da tia Gertrudes.

    Reparem uma coisa:

    Vamos imaginar que o milagre do sol era um ovni. Nossa Senhora era um ET e também o Anjo de Portugal era um ET. Continuando.... o ET 1 (Nossa Senhora) não só estava a par das outras aparições marianas anteriores (históricas) como sabia a doutrina católica toda sem erros. Alem disso esse ET 1 (Nossa Senhora) deixou mensagens e segredos e mandou que os pastorinhos rezassem muito, ensinou orações, mandou construir uma capelinha, etc etc etc. Era um ET super católico, tanto que teria de ser santo. O ET 2 (o Anjo de Portugal) mentiu ao dizer que ele era o Anjo de Portugal.... é que os UFOLOGOS dizem que os anjos são ET's... Esse ET DEUS A COMUNHÃO aos pastorinhos e sabia qual deles já tinha a primeira comunhão feita (deve ter consultado os registos paroquiais)... Depois ele apareceu várias vezes para preparar os pastorinhos para a aparição de Nossa Senhora, ou seja ET 1. Bem...

    Agora vamos ver outras coisas com piada. Se um ET sabe a doutrina melhor que um católico e pode administrar sacramentos teremos de dizer que os ET's são católicos. UIIII.... Mais uma coisa... é que não poderiam sequer ser protestantes por que estariam a difundir a crença em Nossa Senhora, coisa que os protestantes repudiam. Meus amigos.... os ET's são católicos :P ahaha ...

    Mais... se os anjos são ET's porque não se diz que os ET´s afinal são anjos já que os ET's são católicos? Se os ET's são anjos e são católicos Deus é católico. Mas se Deus é católico a doutrina católica revelada por Ele está certa.... Mas se a doutrina está certa então Nossa Senhora existe... e se Nossa Senhora existe as aparições de Fátima poderiam ser aparição d'Ela.

    Parece-me que afinal há dois problemas e nada mais: um é de admitir que Nossa Senhora existe e que Deus existe etc... outra é de querer reduzir esses seres divinos a meros seres fantásticos.

    Curiosamente encontramos mais acerto ao longo de 2000 anos do que na segunda metade do sec XX e no sec XXI... enfim...

    ResponderEliminar
  4. Rui Palmela04 maio, 2008

    Olá, caro "anónimo" ou "anónima",

    Sei que é muito complicado para si ainda hoje, volvidos mais de um século ou mais de dois milénios, pensar ou raciocinar livremente sobre as coisas do 'Céu' (Cosmos) e as manifestações de Seres de outra ordem de evolução aqui na Terra que pelos vistos vc julga (como a Igreja do século XVII julgava) que somos o centro do Universo e que Deus não teria criado nada acima ou abaixo do homem na versão bíblica do Adão e Eva.

    Pois bem, pegando um pouco nas suas palavras de cariz fortemente dogmático ou religioso que o ou a impossibilita de pensar por si, começaria por citar os 3 últimos parágrafos do seu comentário:


    ...“Vamos imaginar que o milagre do sol era um ovni. Nossa Senhora era um ET e também o Anjo de Portugal era um ET. Continuando.... o ET 1 (Nossa Senhora) não só estava a par das outras aparições marianas anteriores (históricas) como sabia a doutrina católica toda sem erros. Alem disso esse ET 1 (Nossa Senhora) deixou mensagens e segredos e mandou que os pastorinhos rezassem muito, ensinou orações, mandou construir uma capelinha, etc etc etc. Era um ET super católico, tanto que teria de ser santo. O ET 2 (o Anjo de Portugal) mentiu ao dizer que ele era o Anjo de Portugal.... é que os UFOLOGOS dizem que os anjos são ET's... Esse ET DEUS A COMUNHÃO aos pastorinhos e sabia qual deles já tinha a primeira comunhão feita (deve ter consultado os registos paroquiais)... Depois ele apareceu várias vezes para preparar os pastorinhos para a aparição de Nossa Senhora, ou seja ET 1. Bem...”

    Eu aqui lhe pergunto apenas se tudo o que foi transmitido pela Igreja Católica Romana é certo ou não está errado, tal como vc acredita, pois a versão oficial da Igreja não se escreve a letras de ouro porque tem errado tanto ao longo da história sobre tantas coisas. É mais uma. Certo?

    ”Agora vamos ver outras coisas com piada. Se um ET sabe a doutrina melhor que um católico e pode administrar sacramentos teremos de dizer que os ET's são católicos. UIIII.... Mais uma coisa... é que não poderiam sequer ser protestantes por que estariam a difundir a crença em Nossa Senhora, coisa que os protestantes repudiam. Meus amigos.... os ET's são católicos :P ahaha”

    Vc fala tanto da ‘doutrina’ e dos ‘sacramentos’ católicos-romanos duma forma como se tudo no Universo se resumisse aos seus conceitos religiosos na Terra e todas as coisas tivessem de girar em seu redor, como se todas as outras doutrinas e verdades de milhares de anos antes de Cristo estivessem erradas, ou a Bíblia fosse o livro mais sagrado do Mundo onde outros mais antigos, como o Livro de Enoch por exemplo (suprimido da bíblia por alguma), já falava de Seres Angélicos (não humanos) ou Extraterrenos citando seus próprios nomes e que esses seres são aqueles que o Génesis refere no cap. 6 – vers- 2 e 4, como sendo os “filhos de Deus”, descidos dos céus, que tomaram para si as filhas dos homens na altura e lhes suscitaram filhos, sendo esses os “valentes que houve na Antiguidade, os varões de fama”... tal como está escrito.

    Porém, você diz:

    ”... se os anjos são ET's porque não se diz que os ET´s afinal são anjos já que os ET's são católicos? Se os ET's são anjos e são católicos Deus é católico. Mas se Deus é católico a doutrina católica revelada por Ele está certa.... Mas se a doutrina está certa então Nossa Senhora existe... e se Nossa Senhora existe as aparições de Fátima poderiam ser aparição d'Ela.”

    O que eu acho, amigo ou amiga, a sua cabeça está numa baralhada enorme porque pensa apenas em termos de católicos e não católicos e acaba também por confundir o verdadeiro significado da palavra, pois ser Católico é ser Universal, independentemente de ter ou não ter uma religião (romana ou outra) Entende?

    Por fim vc conclui dizendo:

    ”Parece-me que afinal há dois problemas e nada mais: um é de admitir que Nossa Senhora existe e que Deus existe etc... outra é de querer reduzir esses seres divinos a meros seres fantásticos”...

    Pois eu não tenho qualquer problema em admitir que Nossa Senhora existe (qualquer que seja o seu nome) e que Deus EXISTE (qualquer que seja o nome que os homens Lhe atribuem) , e que nossos Irmãos de outros Mundos EXISTEM (também com seus nomes), pois na verdade NÃO ESTAOS SÓS NO UNIVERSO. Agora, os seus conceitos e os da Igreja católico-apostólica-romana em relação a tudo isso podem ser completamente diferentes dos meus e de tantos outros cristãos que até crêm na existência de Mundos habitados além do nosso.

    Já agora, aconselho a ler o meu “SONHO, VISÃO OU FICÇÃO” que jamais esqueci e tenho na Página Azul do meu site pessoal que pode ver aqui:
    http://www.novaera-alvorecer.net/paginaazul.htm

    Cordeais cumprimentos, e obrigado por sua participação

    Rui Palmela

    ResponderEliminar
  5. esse relato da escritora vem de encontro ao de jóse almeida Garrett professor de ciências na universidade de Coimbra;«o disco do sol não se manteve imóvel, teve um movimento vertiginoso, não como a cintilação de uma estrela em todo o seu brilho, pois girou sobre si mesmo num rodopio louco.» em http://www.fatima.org/port/essentials/facts/pmiracle.asp

    o Padre Jacinto Farias - Teólogo e um dos investigadores do fenómeno de Fátima disse num programa da televisão portuguesa chamado Sociedade civil, que Deus
    não interfere nas lei da natureza , isto é, indirectamente deu a entender que o milagre do sol não foi milagre. Repare que tudo indica para que tenha sido uma ilusão de óptica conforme mencionou Rui Agostinho - Astrónomo e Director do Observatório Astronómico de Lisboa que também participou no mesmo programa. isto é,na minha opinião a ilusão de óptica existiu, porque as 50.000 pessoas confundiram o sol com um disco voador idêntico ao sol.por sua vez o terceiro interveniente no programa sociedade civil Manuel Domingos - Neuropsicólogo afirmou que não poderia ser uma alucinação colectiva, visto ser impossivel 50.000 alucinarem, até porque habitantes das vizinhanças de fátima garantiram terem visto o mesmo fenómeno . tanto o relato da escritora e de almeida garett são coerentes e descrevem o fenómeno como UM DISCO VOADOR.

    ResponderEliminar
  6. Ola Rui


    Andei a espreitar o teu bloggue!!!

    Que lindo...................


    Beijinho de LUZ

    da Amiga
    Rosyta

    ResponderEliminar
  7. Sr. Rui qual é a relação entre a aparição de N.ª Senhora aos pastorinhos e o aparecimento do disco extraterrestre? Eu li num dos seus blogues a sua descrição dos factos de Fàtima de 1917 e o senhor tanto relatou a aparição de Nª Senhora como no mesmo seguimento o aparecimento do disco extraterrestre no "Milagre do Sol". Gostaria que me esclarecer-se qual a relação entre a N.ª Senhora e os extraterrestres.

    ResponderEliminar
  8. Caro "Anónimo",

    Se leu atentamente o meu texto completo sobre FÁTIMA E SEUS SEGREDOS na página do meu site pessoal Nova Era onde abordo mais aprofundadamente esta questão, é de estranhar que não tenha percebido nada sobre o assunto sobre o qual é preciso desmistificar o acontecimento de 1917 que nada tem a ver tem a Religião. Esta é que se apoderou do caso,tendo até perseguido as crianças que sofreram seu descrédito e foram acusadas de amotinadoras até ao momento em que a Igreja controlou até hoje a situação.

    A verdade porém é que tudo aconteceu duma forma que nada teve a ver com um "Milagre do Sol", pois se assim fosse o fenómeno seria visto em todo o país e noutras partes do Mundo por estar a 150 milhões de Km de distância do nosso planeta e não constar nenhum registo do sucedido na época em nenhum compêndio de Astronomia da Actualidade.

    O sucedido foi portanto outra coisa que só foi observado numa determinada região de Fátima onde a multidão viu o 'disco brilhante' (vulgo Ovni)deslocar-se da forma como é contada antes de desaparecer completamente.

    Quanto à questão que você coloca sobre qual a relação entre o fenómeno ovniológico e o da Aparição da "Nª Senhora" aos pastorinhos, defendo a tese de que a imagem luminosa possa ter sido uma projecção holográfica à distância pois creio que Não Estamos Sós no Universo e há Seres de outra grandeza (Extraterrenos) que nos querem alertar e ajudar nos tempos que vivemos e sobre os quais já Jesus falava no seu Sermão Profético de um "Juizo Final" cujos sinais vão sendo observados no século actual.

    Creio, pois que nossos Irmãos de outros Mundos mais evoluidos estão preparados para intervir e salvar parte da Humanidade que está em perigo de destruição e podem ser os tais "Anjos e Santos" que virão "sobre as núvens" do céu, com "poder e grande glória" (no meio de brilho) e recolher de algumas partes do Mundo o número de sobreviventes (ou os 'eleitos') para locais de menor perigo até que as coisas na Terra estabilizem e tudo volte ao seu lugar e se dê início a uma Nova Humanidade que não mais seguirá os mesmos erros e desregramentos dos homens e mulheres da Actualidade.

    Portanto, caro amigo, vislumbro bem a relação entre Entidade Luminosa que a Igreja chamou de "Nª Srª de Fátima" ou "Virgem Maria" (não as crianças) que prometeu um sinal no céu no fim das aparições para que as pessoas e a Igreja acreditassem nelas e foi o que aconteceu com a presença duma nave radiante convocada para manifestar-se naquele local e fazer uma 'manobra de diversão' que aos olhos das pessoas parecia o Sol a rodopiar, julgando que o mundo ia acabar...

    Se ainda hoje, em pleno século XXI, tanta gente ligada à Igreja tem dificuldade de perceber estas questões, como explicar naquele tempo um acontecimento que nada teve a ver com fantasias e interpretações de Religiões?

    Felizmente o Papa actual já admite novas ideias e a nossa relação com o Cosmos, tal como refiro na minha página A IGREJA E OS MUNDOS HABITADOS. Espero que ele perceba bem o propósito da Mensagem deixada em Fátima a 3 crianças que o Vaticano impediu que Lúcia de cumprir sua missão...

    Pausa para reflexão!

    Rui Palmela

    ResponderEliminar
  9. Sr. Rui onde posso encontrar excertos dos interrogatorios feitos a Lúcia em 1918 pelo Conego Manuel Formigão ou de outras entidades?

    O Sr. já leu tais interrogatórios?
    E por ventura já leu o livro de Lúcia, onde ela relata as supostas conversas com a suposta Nª Senhora?

    Um abraço.

    ResponderEliminar
  10. Não, caro Paulo, não sei onde pode encontrar os interrogatórios do Cónego Formigão a Lúcia, mas segundo pesquisas que fiz o primeiro interrogatório que ele fez aos 3 pastorinhos foi no dia 27de Setembro de 1917 e repetiram-se nos dias 11, 13 e 19 de Outubro, 2 e 3 de Novembro do mesmo ano.

    Pelo que fiquei a saber de algumas perguntas feitas a Lúcia, ela tinha apenas oito anos quando viu por 3 vezes (de Abril a Outubro de 1915) “uma figura como se fosse uma estátua de neve que os raios do sol tornavam algo transparente”, sem nada dizer. Como não soube explicar o que seria, Lúcia disse à mãe que “parecia uma pessoa embrulhada em um lençol” ...

    Lúcia considerou essa figura como um anjo pela expressão que usa na sua Segunda Memória das aparições em 1916, dizendo: “Eis que um vento forte sacode as árvores e faz-nos levantar a vista para ver o que se passava, pois o dia estava sereno. Vemos, então que, sobre o olival se encaminha para nós a tal figura de que já falei”...

    Estas visões de Lúcia que também foram observadas por outras companheira e companheiros que estavam com ela e que hoje se diz ter sido o “Anjo da Paz” ou “Anjo de Portugal”, talvez tenham sido o prenúncio da primeira Aparição que se deu em 13 de Maio de 1917 na Cova da iria junto à gruta onde ela e seus primos brincavam tomando conta do rebanho.

    De 6 a 12 de Agosto de 1920, Lúcia esteve em casa do Padre Dr. Formigão, em Santarém, donde regressou a Fátima, na companhia da irmã do mesmo pároco. De facto, no interrogatório que ele fez à menina Lúcia no dia 2 de Novembro de 1917, até chegou a perguntar-lhe algo sobre a sua idade pensando que ela não iria viver muito tempo: “Ouvi dizer que disseste a alguém que havias de viver mais de vinte anos. É verdade?” e Lúcia respondeu: “Não me recordo”...

    Como sabemos, Lúcia esteve enclausurada num Convento desde menina contra a sua vontade e veio a morrer depois do Papa João Paulo II aos 98 anos de idade.

    Quanto aos interrogatórios de que foi alvo ao longo do tempo, creio que a maior parte das suas memórias de menina perderam-se e desenvolveu outras no seio da Igreja onde decerto acabou por adaptá-las e enquadrá-las no mundo religioso onde cresceu e viveu até ao fim de sua vida como se fosse uma prisioneira de Roma.

    Quanto à Mensagem de Fátima, penso que já se conhece o essencial para concluir que “Nª Srª de Fátima” não quis nada com a Igreja Católica ou outra, escolhendo apenas 3 crianças numa serra em Portugal como já tinha feito com outras anteriores em França nos Pirinéus e Alpes e não quis aparecer a alguma autoridade politica ou religiosa da época, nem na época actual, por alguma razão...


    Pausa para reflexão!

    Rui Palmela

    ResponderEliminar
  11. o que quer dizer é que as aparições em Fátima são obra de extraterrestres e que não foi a N.Senhora que falou com Lúcia? é isso ? seja objectivo...é isso ?

    ResponderEliminar
  12. SR. RUI. mas igreja católica afirma que Fátima está relacionada com o aprecimento de Nossa Senhora. Como você explica, sequndo a sua opinião, o que aconteceu em fatima nada tem a ver como o aprecimento da Nossa Senhora? A igreja Católica anda a mentir ao povo? e o Livro da irmã Lúcia? narra as conversas com a Nossa Senhora, eu já li o livro e Lúcia conta que essa Senhora lhe disse que era a Nossa SENHORA DO ROSÀRIO.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "A igreja Católica anda a mentir ao povo?"

      Boa pergunta Paulo!

      Eliminar
  13. Caro Paulo,

    A Igreja pode dizer o que quiser e bem entender mas não pode esperar que toda a gente aceitas como verdade a sua declaração sobre os acontecimentos de Fátima. Certo?

    Tanto mais que no princípio nem acreditou na crianças e as acusou de amotinadoras, instigando as pessoas contra elas. Não sabia isto?

    Aliás, as crianças chegaram a estar presas e foram interrogadas e até ameaçadas de que seriam lançadas num caldeirão de água a ferver para que contassem a verdade ou dissessem que tudo foi mentira. Sabia isto?

    Só mais tarde é que a Igreja acreditou nas crianças e tomou conta da situação, comandando à sua maneira o ocorrido e fez do caso, até hoje, uma certa exploração.

    Claro que nada tem de mal a Fé e as Peregrinação a Fátima onde se reza e cumprem promessas, sendo um local de Paz aonde vou várias vezes quando não estão lá as multidões. Aliás, a última vez que ali estive (em Setembro deste ano) fui a Valinhos onde se deu a 4ª Aparição da Entidade Luminosa quando as crianças foram impedidas de estar no dia 13 de Agosto na Cova da Iria. É um local maravilhoso a 2 Km do Santuário e senti lá uma sensação de bem-estar com vontade de lá voltar.

    Portanto, como vê, caro Paulo, eu creio no que se passou mas duma forma diferente da Igreja e sei que tudo está relacionado com os tempos que se aproximam em que Entidades Extraterrenas estão a postos para ajudar a nossa Civilização nos dias de grande atribulação.

    A Mensagem de Fátima fala disso e a Entidade (que hoje conhecemos por "Nª Srª Fátima" deu também um puxão de orelhas à Religião. Por isso Lúcia foi impedida de revelar o 'Segredo' e com o tempo acabou por calar e escrever apenas aquilo que de suas memórias não causasse embaraço à Igreja tem tornado Fátima um "Altar do Mundo" que rende milhões de euros todos os anos, mas que acabamos por ver o lado positivo detudo isso no desenvolvimento daquela região.

    A verdade, porém, não se deve fantasiar nem obscurecer e a seu tempo deverá ser dita claramente, sobre o que ali aconteceu efectivamente. Só deste modo as pessoas perceberão o que pretendia verdadeiramente a Entidade Luminosa e a sua relação com o Disco Brilhante que parecia o Sol.

    Um abraço

    Rui Palmela

    ResponderEliminar
  14. Bem se foram extraterrestres diga me uma coisa: En~tão quem falou com os pastorinhos? Quem lhes mostrou o Inferno? Quem lhes deu conselhos? Conselhos Catolicos? Quem? É estranho não?

    ResponderEliminar
  15. As crianças conheciam apenas a Entidade Espiritual ou Mensageira Divina por "Senhora Luminosa", nada mais. Foi a Igreja que depois arranjou um nome para designar essa Aparição tal como já tinha ocorrido em Lourdes e La Sallete e do mesmo modo as crianças não sabiam o nome da "Senhora Luminosa".

    O que importa não é quem foi ou o que foi mas sim ao que veio e o que disse. As pessoas precisam sempre saber nomes?

    Quanto ao 'Inferno', não creio que a Entidade se tenha referido áquele que a Igreja criou na mentalidade das pessoas ao longo dos tempos, mas sim num inferno de acontecimentos aqui na Terra onde os humanos o podem tornar na pior realidade que alguma vez se possa imaginar, com o perigo duma Guerra Nuclear capaz de acabar com a toda a vida no Planeta e lançar milhões de almas no plano astral sem saberem o que aconteceu e muitas outras a penar.

    Creio porém numa intervenção divina ou Extraterrena capaz de evitar que tal aconteça e percebo bem as palavras de Jesus Cristo ao falar de tudo isso no seu Sermão Profético anunciando tempos de "Juizo Final" em que seres de outra ordem evolutiva viriam sobre as "nuvens do céu" com "poder e grande glória", com "rijos clamor de trombeta", para recolher os que merecem ser salvos de destruição nos dias de atribulação até que tudo se restabeleça na Terra e comece o Mundo Novo e uma Nova Era.

    Pouco importa o nome dos Mensageiros do céu ou da Terra que profetizam ou têm visões e/ou contactam com Entidades Extraterrenas que dalgum modo procuram avisar-nos e preparar-nos sem precisarem de aurotização dos Governos ou das Religiões.

    Por isso, todas as 'Aparições' e revelações tem sido feitas aos simples e humildes de coração, não aos homens dos poderes do Mundo que omitem e controlam a situação.

    Pausa para reflexão!

    Rui Palmela

    ResponderEliminar
  16. Arnaldo Silva28 outubro, 2009

    Afinal de contas com quem falou Lúcia? Com extraterrestres? Com a Nª Srª do Rosário de Fátima? Ou com coisa que os valha?

    Sr. Doutor explique-me com poucas linhas esta questão, porque sou quase analfabeto e não me entendo com textos muito longos. Tenha uma Boa Noite. Fique em paz!

    ResponderEliminar
  17. Caro Arnaldo Silva,

    Para quem se diz analfabeto escreve bem e lê de forma normal. Deve ter é preguiça mental e/ou sofre de algum problema de iliteracia porque não entende o que lê sobre o que escrevo.

    Aconselho-o portanto a fazer algum exercício mental para desenvolver um pouco a sua capacidade de pensar ou raciocinar livremente.

    Infelizmente há muita gente que já deixou de fazê-lo há muito tempo.

    Tenha também uma boa noite e fique em paz.

    RP

    ResponderEliminar
  18. Arnaldo Silva29 outubro, 2009

    Sr. Rui apreciei a sua lição correctiva à minha pessoa, contudo, o meu problema é mesmo iletracia, eu sei ler mas tenho dificuldade em interpretar o que leio. a minha capacidade de raciocio é limitada, porque li todas as mensagens e fiquei baralhado, porém faço um esforço para assimilar o conteúdo das suas mensagens e dos demais. Desejo que a Nossa Senhora do Rosário acompanhe a sua vida e que o ilumine nos dias menos bons.
    Boa tarde e fique em paz!

    ResponderEliminar
  19. Caro Arnaldo,

    Peço desculpa se fui um pouco inconveniente pela resposta que dei, mas penso que qualquer pessoa que lê minha página do site pessoal: FÁTIMA E SEUS SEGREDOS" ficará com melhor percepção do que foi o 'Milagre do Sol' e o que veio fazer a "Senhora Luminosa" a este Mundo tendo deixado uma Mensagem a 3 crianças que acabou por ser retida pela Igreja Católica durante décadas, explorando à sua maneira a situação.

    Gostaria de esclarecê-lo melhor sobre o assunto mas penso que um dia vc descobrirá por si mesmo coisas que há muito me vieram pela Intuição.

    Um abraço

    RP

    ResponderEliminar
  20. Sr. Rui antes de mais quero manifestar-lhe a minha admiração e respeito pela coragem que demonstra ao procurar trazer alguma luz ao mundo que (a meu ver) é cego.É de facto precisa muita coragem e paciência de santo para poder responder com a serenidade aconselhável a algumas mentes que apresentam indícios graves de forte castração.Espero sinceramente que não desanime e que continue a iluminar-nos com artigos de ELEVADO interesse.
    Um abraço e um MUITO OBRIGADO

    ResponderEliminar
  21. EBE MARCINIAK
    Eu acho tambem que debe ser "como vocés queren que os 80.000 vejam o que vocés queren que seja sem voces estar la ¿E pra qué? E Hitler eu sei que era da Crus Vermelha, certamente.
    Assim tamben eu aceitei que os ovnis peden o rezo do Terço ¿nao é? Pois ela dis "Sou a Virgem do Rosario" "a dos ovnis" debeu ela dizer. Pois sim. Os avistamentos de 1950 e Roswell ja trazian os terços , nao, foi no 1917 a primeira vez, ou algo assim.Ou eram os de 1950 ortodoxos?

    ResponderEliminar

  22. Aviso alguns participantes deste Blog que não são permitidas expressões de linguagem obsena ou imprópria que será sempre rejeitada pelo gerente deste espaço onde se procura debater vários assuntos que agradam a uns e desagradam a outros, havendo liberdade para opinar ou discordar mas não para ofender ou afrontar.

    Por isso, acabei de rejeitar um comentário de cidadão anónimo que revelou não estar à altura de entrar neste debate livre de ideias e pensamentos sobre o tema em debate pela linguagem indigna utilizada.

    ResponderEliminar
  23. Rui Palmela, Me chamo Germana, Sou de Fortaleza-Ce, sou ufóloga ,nasci índigo ... tenho uma interação com Jesus Cristo muito grande, ( com eles), realmente seres celestiais que pelo conhecimento = espírto santo, que é a única verdade universal,expandiram a consciência no Deus todo poderoso= lei física viva,consciente,imutável e atemporal = amor. A raça de Jesus vive muito próximo ao contato de Deus,no final das contas, anjos são seres muito mais evoluídos, não são terrenos, mas que compartilham do mesmo sentimento que qualquer ser humano ( já que nós somos também filhos dele)podemos compartilhar, que é o amor, e a consciência expandida no conhecimento em relação a única verdade, que é o que traz a luz e tira das trevas da dúvida e da ignorância acerca do que rege e acontece em todo o universo. Realmente o que vc falou sobre Fátima é verdade, era sim um disco voador, e a mãe de Jesus foi levada de corpo e alma ( abduzida) para viver com eles já que ela é a mãe dele, ou seja, o DNA de Jesus tem metade de DNA humano e metade de DNA angélico, de outra raça, por isso ele sempre ia no Monte das Oliveiras conversar com eles e aprender cada vez mais com a raça de seu pai, mas eu acredito que eles não 3D, estão em outro nível de consciência, logo em outra dimensão, a consciência muito mais expandida...tem nem como comparar, desprovidos de todo e qualquer sentimento baixo e negativo tal é a evolução. E quanto aos comentários de descrença..descaso com o que a raça humana está acordando em relação a isso...peça a eles que o ajudem a cada vez mais te tutoriar da melhor forma possível pra vc poder explicar isso as pessoas, eles te atendem , pq usam a radio frequencia que todo cérebro do ser vivo emite, dai o porque das orações, é como um mantra, que você manda em códigos pra ele de acordo com o que teu sentimento partindo do coração tá sentindo e enviando em forma de mensagem codificada para eles, como a telepatia é completa, ela envia palavra,ação,imagem e sensação, então a comunicação é bem mais rápida que a palavra foneticamente falada. Eu confesso, que eu expandi e muito minha consciencia e isso é um processo que não dá mais pra voltar atrás...especialmente quando vc consegue desenvolver seu radar pessoal pra sentir vibração negativa de alguém quando chega perto de você. É tudo real.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A GERMANA anda muito desviada da realidade, Jesus Cristo É o Filho de Deus e nenhum humano interage com o Filho de Deus. Dito isto o mais provável é ter alguma interação com um guia espiritual que é humano, mas no lado de lá, que a tenta ajudar para seu e benefício dele(a)... tomara que consiga aproveitar a ajuda que este lhe tenta dar, e não será necessariamente sempre o mesmo.

      Os disparates escritos neste texto provam o quão longe está da realidade. Está na altura de começar a agradecer a Deus por lhe ter dado hipótese de se tornar auto-consciente e de lhe pedir em pensamento com absoluta humildade que lhe mostre o verdadeiro caminho até ao seu Reino (não acaso até Ele, mas até ao seu Reino). A melhor forma é pedir por imagem em pensamento... parece difícil, mas não é tanto quanto parece. E deixe-se de parvoíces como metade DNA humano e metade angelical... claro que o DNA era humano! Ele nasceu como humano! Não era acaso ser humano, mas teve de usar um "invólucro" humano para poder estar em contacto com os humanos, o que era diferente era o seu núcleo interior, que é parte de Deus, e daí trazer a palavra da Verdade, pois é dele que provêm a mesma. O resto da conversa do DNA é de alguém que anda completamente perdida e quer imaginar coisas impossíveis, no natural e simples é que está a Verdade!

      Eliminar
  24. Muito bem, amiga Germana, entendi tudo o que vc escreveu no seu comentário ao meu artigo e não deixa de ser interessante um aspecto que vc referiu a respeito da mãe de Jesus, pois nunca se falou de sua morte ou com que idade terá morrido ou enterrada no seu tempo. Por isso creio que poderá ter sido mesmo levada deste mundo numa nave tal como aconteceu com Elias ou outros profetas do passado que foram transportados aos céus num "carro de fogo".

    Um abraço fraterno.



    ResponderEliminar
  25. Olá, Rui. Hoje passei o meu dia a debater este assunto com meus amigos do facebook, é polémico! Em Portugal a teoria é dizer que foi tudo histeria colectiva, mentira da igreja, etc. Colocar a hipótese de ter sido uma nave e entidades E. Terrestres, isso é impensável. Só conseguem ver dois caminhos, ou a santidade ou a irrealidade.
    Acontece que meu bisavô presenciou aquele "milagre", eu nasci e cresci em Fátima, desde pequena ouvi os mais velhos contarem o que viram acontecer lá.
    A meu ver só tem uma explicação lógica, a que o Rui defende aqui.
    1- A Lúcia quando viu a senhora de luz, não disse que era nossa senhora, ela disse que era a senhora do Rosário. Nome comum. Porque não poderia ser uma senhora chamada Rosário?
    2- A Mãe da menina Lúcia não acreditava nela, foi a primeira pessoa a chamar lhe mentirosa, de tal forma que sempre ouvi meus antepassados a contarem que ela lhe dava surras chamando lhe mentirosa, e que envergonhava toda a família, ainda assim a menina nunca voltou atrás no que tinha dito.
    3- Antes das aparições da entidade feminina, eles terão visto o anjo que os veio preparar para a chegada a nova entidade. A primeira vez que Lúcia viu algo estranho, estava com minha bisavó Amélia. Anos mais tarde eu li o livro memórias de Lúcia e constatei que ela descreve algo que minha bisavó me tinha contado também.
    Contou minha bisa que foram (ela, Lúcia e outra meninas) com o gado para os Valinhos, e que de repente pareceu que ia chover sendo que o céu ficou meio escuro e parecia trovejar mesmo sem qualquer barulho. Elas pensaram ir embora e minha avó diz que viu umas pequenas luzes redondas e brancas mas que não cegavam. Depois fugiram para casa e não viram mais nada.
    4- Havia muita gente nessa altura que não queria acreditar no que as crianças diziam, e chamavam lhes mentirosos, inclusive a igreja. Ao ponto que o padre fez questão de questionar as crianças e de lhes meter medo para que dissessem o que eles queriam. Foram presas, ameaçadas, tanto pela lei como pelo povo. Mesmo assim continuaram a dizer que falavam com essas entidades.
    Tanto que quando Lucia disse que a Russia se ia converter, contava meu bisavô que ela pensava que a Russia era uma mulher. Ela nem sabia do que estava a falar, apenas se limitou a passar a mensagem.
    A visão do inferno, é nada mais que o futuro, hoje temos visto o inferno, a guerra, as pessoas a morrer, o sangue derramado.
    O padre de branco ser atingido por setas, J. Paulo II foi baleado, derramou sangue, elas não viram com precisão que ele iria morrer, mas viram que iria haver perseguição a pessoas religiosas e pessoas de bem, e não e justamente o que tem estado a acontecer?
    como é que essas crianças poderiam saber de tais acontecimentos?
    Meu bisa estava lá naquele 13 de Outubro, ele contou que primeiro chovia imenso, o chão lá é enlameado, quando chove mesmo que o dia seguinte seja de sol, o chão não seca facilmente. Então do nada começaram a cair flores mas ninguém conseguia apanha-las, desapareciam. Desconfio que pudesse ser uma espécie de holograma. Por fim o sol se moveu como o Rui já descreveu, as pessoas tiveram medo mas não saíram dali a correr pisando todos como seria de esperar. Ficaram em paz embora agitadas. Por fim deram conta que o chão ficara seco em poucos minutos. Isso intrigou imenso meu bisavô.

    ResponderEliminar
  26. Há uns anos atrás, eu fui ao santuário, como costumava fazer, dessa vez levei uma prima minha e fui com meu pai.
    Sentamos lá num banco e cada um ficou com os seus pensamentos. Eu estava a falar com os meus pensamentos, sobre coisas que eu ia vendo ou sentido em meus sonhos e achava que era meio doida. Foi então que eu vi uma luz, quase jurava que igual ao que minha bisavó tinha me descrito ter visto com a Lúcia, essa luz não é uma mera luz, é como que um fragmento de algodão brilhante como um flash de maquina fotográfica mas com um branco diferente e de maneira nenhuma nos fere os olhos. Mais parece hipnótico. Chamativo. Então eu falei com meus pensamentos e disse que já estava a alucinar de novo, mas algo disse para eu falar pra minha prima. Eu não disse onde eu estava a ver a luz, eu só disse, está vendo a luz? Ela perguntou onde, mas antes que eu desse a resposta ela disse, "já vi ali!"
    Mas como não sou de me fiar nas mentes das "crianças" eu voltei a falar com meus pensamentos e disse, mas como somos duas crianças isto é nada, não acredito em nada. Então a voz interior disse, então pergunta ao teu pai.
    Eu então perguntei igual como a minha prima e ele também soube me dizer onde estava a luz que antes não estava a ver.
    A luz apagava e deixava o local onde tinha aparecido muito mais claro do que o normal, depois acendia noutro local e fez isso umas 6 vezes. Entre essas 6 vezes eu e minha prima vimos um idoso caminhando do altar até nós. Vestia um fato normal para a idade e usava uma bengala. Meu pai nunca o conseguiu ver.
    Curiosamente sobre esse senhor, quando contei o sucedido a minha avó paterna, ela disse que no dia em que os pastorinhos chegaram atrasados a Cova d'Iria e as pessoas já diziam que eles não iam vir, apareceu no meio da multidão um senhor que ele descreveu bem parecido ao que nós vimos, e que falou para as pessoas ficarem calmas que a senhora viria e estava quase a chegar.
    Não sei explicar o que eu vi, mas foi algo muito emocionante, uma conexão que não consigo explicar.

    ResponderEliminar

Related Posts with Thumbnails